Manifesto Marialva

sexta-feira, junho 9



A ideia de criar este blogue nasceu de quatro amigos que, entre outras similaridades, têm em comum um grande amor por Portugal e pela Cultura Portuguesa.

O objectivo deste blogue está definido desde o momento em que era apenas uma ideia.

Este blogue, e portanto os seus colaboradores, propõem-se a relatar, a dar a conhecer, a opinar e acima de tudo a descobrir a magia da fantástica e vastíssima cultura portuguesa.

Quando o grupo inicial, ou digamos, de fundadores deste blogue começou a explorar ideias acerca do âmbito do blog surgiram ideias como: Fado, Gastronomia Portuguesa, Música Portuguesa, opiniões acerca de restaurantes típicos de determinada(s) região(ões) de Portugal, Tauromaquia, Festas Populares, seja a noite de Santos Popular em Lisboa ou a Festa do Santo Padroeiro de determinada aldeia, opiniões e/ou recomendações acerca de determinado vinho português, determinada rota de vinhos, determinado roteiro gastronómico, certa receita da gastronomia portuguesa, visita a determinada localidade, seja um lugar, uma aldeia, vila ou cidade portuguesa. Dar a conhecer ou relembrar lendas portuguesas, factos curiosos ou de destaque da historia nacional, recomendar a visita, apresentando herdades, fundações ou adegas de produção nacional que mereçam destaque, poemas, livros, quadros, esculturas de autores e artistas nacionais. Falar acerca da experiência que viveu ou sentiu, mostrando, porventura, fotografias de determinado Monumento histórico, Castelo, Palácio, Jardim, Fonte, montanha, serra, montes e vales, lago, praia do nosso lindíssimo território nacional.

Poderiamos continuar porque a lista é, graças a Deus, praticamente interminável , assim como a nossa cultura. Mas há sempre uma característica comum em todos estes itens , são orgulhosamente portugueses.

Apesar dos "fundadores" deste blog concordarem que este se assume culturalmente de direita, concordaram que não discutiria, nem se faria analise política. E também noutro âmbito, nem tão pouco se discutiria futebol.

Em todo o conteúdo deste blog só há uma única coisa que os colaboradores nunca irão falar, que é de algo que não sabem ou que não conhecem, logo, seja de que área da cultura e tradições portuguesas for há uma coisa que o leitor pode sempre ter a certeza: se alguém recomendar um vinho, um queijo, um enchido, um prato típico, a visita a determinada localidade, a ida a determinada festa popular, uma refeição em certo e determinado restaurante, etc. , o leitor pode, sempre, ter a certeza que a pessoa que publicou o artigo já bebeu esse vinho, ou já comeu esse queijo, ou esse enchido, já comeu esse determinado prato típico, já visitou essa determinada localidade, já foi a essa Festa Popular de que lhe falou e já tomou pelo menos uma vez, uma refeição no restaurante que se referiu.

Só assim, falando do que já se sentiu, provou, cheirou, enfim, viveu, só assim os colaboradores deste blog conseguem realizar as acções a que se propuseram: relatar, dar a conhecer, opinar e acima de tudo, descobrir a magia da fantástica e vastíssima cultura portuguesa.